9 de set de 2013

Dinâmica de criação:



Desdobramentos interrogativos sobre o poema 
De quem é o olhar? -
Fernando Pessoa
  
Interrogações - Amelia Koch

Enquanto penso, que olhares me espreitam?
Enquanto olho,que pensamentos me olham?
Resumos de realidade podem ajudar a suportar a vida?
Limites do copro podem ter intrusões malignas no espírito?
Às vezes dás tristes passos por caminhos longe da realidade? 
Enquanto dás passos tristes, qual a  tua realidade?
Num obscuro momento do universo, se acendessem só velas, a vaga luz poderia
plantar na lama desejos fracos?
Se esqueces o espaço misterioso de teu ser, que sentido darás ao rio da vida que passa
com as horas, metafisicamente?

Oficina de literatura - Diego Petrarca - região sul

Nenhum comentário: