12 de jul de 2010

Barros, Quintana e Coralina: teatro e poesia na terceira idade



Apostando na força que a prática da criação artística tem de influenciar positivamente o cotidiano de uma pessoa, seja ela criança, jovem, adulto ou idoso e levando em conta que o ser humano vive em aprendizado constante, esta oficina teatral se apresenta como uma alternativa para pessoas que já possuem muitos anos de vivência, lançarem-se em mais um processo de aprendizagem que enriqueça seu dia-a-dia e que lhe traga novas motivações e estímulos criativos. O mergulho no universo lúdico da poesia, a experiência do jogo teatral, o resgate da memória e o incentivo da vivência de novas situações e relações humanas são o mote para o trabalho desenvolvido na oficina Barros, Quintana e Coralina: Teatro e Poesia na Terceira Idade.




A oficina acontece sempre às segundas-feira, das 14h às 17h, na sala 400 da Usina do Gasômetro, no espaço da Associação Cultural Amigos da Arte. Seguem algumas imagens do nosso segundo encontro, que aconteceu no dia 21 de junho deste ano.



!!! salve, salve!!!
Grande Abraço,
Maria Amélia


Um comentário:

Lisi disse...

o que me chamou a atenção foi o movimento intenso transmitido nas fotos.
expressão, gestos abertos, evidenciando entrega, participação e alegria.
essas imagens dizem tudo,teatro é ação, escancaramento, doação, grandiloquência.
não nos devolve a juventude, mas nos torna atemporais.
rompe os limites da capacidade ou do tempo e nos traz para a plenitude !
que delícia !